6.8.08

A EUROPA ? - 2


CICLO DE CINEMA AO AR LIVRE


A Nossa Música, Jean-Luc Godard

Pode dizer-se que o conflito entre Israel e a Palestina está muito mais no centro de “A Nossa Música” do que uma reflexão sobre a Europa. Sabemos, todavia, que o lugar de Sarajevo e a sua história, em que confluem culturas e religiões diferentes, servem de âncora para o realizador Jean-Luc Godard a uma ideia de Europa.

Estruturado em três partes distintas e à semelhança d’ “A Divina Comédia” de Dante, o “Reino 2 - Purgatório” é a mais longa e a acção decorre em Sarajevo. O realizador baseou-se na sua participação nos Encontros Europeus do Livro e numa sua conferência para alunos, em Sarajevo, tomando-as como matéria de ficção. “A Nossa Música” é um filme ficcionado e não o registo documental desses acontecimentos, embora o aspecto documental esteja presente formalmente.

A nouvelle vague, movimento que inovou a linguagem cinematográfica teve em Jean-Luc Godard um dos seus protagonistas. A sua prática artística constitui-se como um caso à parte e a sua influência estende-se até hoje. A reunião de diferentes linguagens como a ficção e o documentário inscrevem-se numa lógica de interrogação do cinema e das suas possibilidades de interpelação do real.

O seu cinema é como que uma tarefa incessante de questionar o Mundo, a exemplo das suas personagens que se lançam em divagações filosóficas ou citações incessantes de diversos autores, obras e artistas. Como noutros filmes, conta mesmo com a participação de alguns.

Oriundas de vários pontos da Terra, a presença destas figuras e personagens que circulam em Sarajevo, faz-se sob o intuito de invocar a possibilidade de reconciliação. Pensar e promover a reconciliação em Sarajevo é pensar também a Europa. O escritor catalão Juan Goytisolo foi autor de uma das criticas mais contundentes sobre a União Europeia em relação ao conflito que se instalou na Bósnia. A sua presença neste filme é significativa. Haverá uma obrigação da Europa de se pensar e intervir activamente no sentido da reconciliação? Poderá a jornalista israelita Judith Lerner (Sarah Adler) encontrar em Sarajevo respostas para a resolução do conflito entre Israel e a Palestina?

Se é com Judith que estamos durante a primeira metade do segmento “Reino 2 – Purgatório”, será para Olga Brodsky (Nade Dieu) que o foco se desvia até ao final do filme, já com o segmento final “Reino 3 – Paraíso”. Podemos dizer que a primeira está do lado do documentário, acompanhando as obras de reconstituição da Ponte da cidade de Mostar, enquanto que a segunda nos encaminha para a ficção. É pelo seu olhar que vemos um Paraíso guardado por marines americanos, onde comer uma maçã poderá já não acarretar o castigo de homens e mulheres.

Olga e Judith são aqui sintoma de alteridade, de um eu que é um outro na perspectiva do encontro com a Morte, seja esta “o possível do impossível” ou o seu reverso, como se diz na primeira parte do filme. Este verdadeiro ensaio de campo e contra-campo que é “A Nossa Música” faz-se na Europa, mas faz-se também com imagens de guerras, máquinas de matar e vítimas de outras paisagens. A música de que fala o título é a luz que procuramos em face deste horror.

Entretanto, o projecto de reconstituição da Ponte de Mostar alterou-se. O arquitecto Gilles Péqueux que participa no filme foi demitido e a ponte não foi reconstituída com as pedras originais. “Lembras-te de Sarajevo?” E da Europa?

Francisco Camacho



Ficha técnica

Título Original: Notre Musique
Gênero: Drama
Tempo de Duração: 80 minutos
Ano de Lançamento (França): 2004
Estúdio: Les Films Alain Sarde / Canal+ / TSR / Vega Film AG / Avventura Films / Peripheria / France 3 Cinéma
Distribuição: Wellspring Media
Direção: Jean-Luc Godard
Roteiro: Jean-Luc Godard
Produção: Alain Sarde e Ruth Waldburger
Música: Julien Hirsch
Direção de Arte: Anne-Marie Miéville
Edição: Jean-Luc Godard


Elenco

Sarah Adler (Judith Lerner)
Nade Dieu (Olga Brodsky)
Rony Kramer (Ramos Garcia)
Jean-Christophe Bouvet (C. Maillard)
Simon Eine (Olivier Naville)
Mahmoud Darwich (Mahmoud Darwich)
Juan Goytisolo (Juan Goytisolo)
Jean-Paul Curtier (Jean-Paul Curtier)
Pierre Bergounioux (Pierre Bergounioux)
Gilles Pecqueux (Gilles Pecqueux)
Jean-Luc Godard
Elma Dzanic
Leticia Gutiérrez
Ferlyn Brass
George Aguilar